Cavaleiro Andante

9.5.05

Rituais

Só há uma coisa pior do que acordar às 5h00 da manhã e apanhar um voo de meia-hora num dia de ventania: é fazê-lo duas vezes no espaço de três dias. O fígado contorce-se, a vesícula fica descontrolada e o sono acentua o stress.

Com os rituais e as superstições que eu fui desenvolvendo a propósito das viagens de avião - e que vai do tipo de meia ao cronómetro do relógio, do pé que entra primeiro no avião ao tipo de pequeno-almoço - imaginem o martírio que é ter de cumprir todos os passos em plena madrugada!?
Por isso, a semana que passou valeu por duas. Por isso e por muitas outras coisas que agora não vêm ao caso.
Cavaleiro Andante 9:56 da tarde

5 Comments:

Madrugar não me custa mas madrugar para apanhar um avião é coisa que não invejo!
Como eu te percebo André...
Puseste-me um grande sorriso nos lábios ao ler isto:

"Porque sou o que chega e conta mentiras que te fazem feliz e tu vibras com histórias de viagens que eu nunca fiz"

Agora vou ler as tuas histórias.

Podes também ler-me aqui...

http://eternamentemenina.blogs.sapo.pt/

Abraço ;-)
Algo me diz que eu também vou ler as tuas, mas quem escreveu o que eu transcrevi foi o Carlos Tê.
É tudo feito à medida dos camiões de leite.

Add a comment